TJ/SP: o que vai cair na prova de Escrevente?


TJ/SP: 471 vagas de Escrevente, com salário de R$ 3.878,07. E nós sabemos o que vai cair!
O edital do concurso de Escrevente Técnico Judiciário do Tribunal de Justiça de São Paulo foi publicado! E nós estávamos esperando há muito tempo. Nesse momento, muita gente vai poder estudar sem preocupações quanto às datas do edital e da prova; ou se o edital sai esse ano ou só em 2015. Agora é pra valer
O edital deste ano trouxe 471 vagas para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário, de nível médio, com rendimentos de R$ 3.878,07. O certame conta com prova objetiva e prática (de digitação). As vagas são para a 1ª Região Administrativa Judiciária, que engloba as Circunscrições Judiciárias da Capital, de São Bernardo do Campo, de Santo André, de Osasco, de Guarulhos, de Mogi das Cruzes e de Itapecerica da Serra. Atente para as cidades que compõe cada uma das CJs. A Lista pode ser vista na página 2 do edital de abertura.
O Edital foi publicado no dia 23 de setembro e a prova será no dia 7 de dezembro. As inscrições estão abertas entre 24 de setembro e 24 de outubro e podem ser feitas no site da VUNESP. A taxa de inscrição custa R$ 50,00.

O concurso anterior foi realizado em 2012, também pela VUNESP, quando foram oferecidas 1.035 vagas. Em 2012 foram aprovados 6.873 candidatos, sendo que 52 ainda aguardam nomeação.

Essa Análise é resultado de uma vasta pesquisa, quantitativa e qualitativa, das questões da VUNESP para cargos e disciplinas semelhantes aos do Edital do TJ/SP. O objetivo é que você consiga ajustar seus estudos dando ênfase aos temas destacados. Inclua-os em seu planejamento, mas não abandone os demais temas do edital, afinal, de vez em quando as bancas nos surpreendem.

Devido ao tamanho que este post tomou, decidi dividi-lo em duas partes. A primeira traz as disciplinas dos ‘Blocos I e III’, enquanto na próxima semana publicarei a parte sobre as disciplinas do ‘Bloco II’.
Espero que essa Análise seja útil na sua preparação e que você esteja estudando duro! Se precisar de ajuda, comenta lá embaixo e vamos conversando, certo?
Conteúdo Programático

A prova objetiva é composta por 100 questões, de 11 disciplinas e vale 10 pontos. Para continuar no concurso é necessário que o candidato tenha alcançado as notas mínimas:
Olha esse fragmento do edital:

VI - DO JULGAMENTO DA PROVA OBJETIVA

1. As questões da prova objetiva serão distribuídas em blocos como segue:

    BLOCO I : língua portuguesa;
    BLOCO II: conhecimentos em direito;
    BLOCO III: conhecimentos gerais (atualidades, matemática, informática e raciocínio lógico).

2. A prova objetiva será avaliada na escala de 0 (zero) a 10 (dez) pontos, sendo os blocos I e II de caráter eliminatório, onde o candidato deverá acertar, no mínimo, 50% das questões de cada bloco.
    2.1 O bloco III terá, apenas, caráter classificatório.

3. Será considerado habilitado na prova objetiva o candidato que obtiver média aritmética final igual ou superior a 5 (cinco) pontos no conjunto dos 3 (três) blocos, observado o disposto no item 2 deste capítulo.
Os blocos e suas matérias são:
Bloco I: Língua Portuguesa: 24 questões
Bloco II: Conhecimentos em Direito: 36 questões sobre as matérias relacionadas abaixo, valendo 10 pontos
Bloco III: Conhecimentos gerais: 40 questões sobre as matérias relacionadas abaixo
O que deve cair mais?

Essa é a parte mais importante desse post!! Essas são as probabilidades dos principais temas caírem na prova. Fica ligado, porque esses são os temas mais importantes!
Fiz uma análise dos conteúdos programáticos de provas da VUNESP similares às de Escrevente e cheguei à conclusão de que estes temas são alguns dos mais pedidos e devem, necessariamente, ser cobertos com vigor e afinco em seus estudos:

Prepare seu planejamento considerando esses dados:
Bloco I

Língua Portuguesa

De acordo com a pesquisa que fiz, a VUNESP vai privilegiar três temas, da seguinte maneira:

O destaque maior será para ‘Interpretação e Compreensão de Textos’, seguido de ‘Sintaxe’ e, por fim, ‘Morfologia. É importante destacar que dentre todos os temas de ‘Sintaxe’, os que mais devem ser estudados são ‘Equivalência e transformação de estruturas’, ‘Concordância Verbal e Nominal’ e ‘Pontuação’. Por outro lado, em ‘Morfologia’ o tema com mais de 40% de frequência é ‘Tempos e Modos Verbais’. Fique de olho e estude bem esses assuntos!!
Apesar dos números, não deixe de estudar ‘Semântica’ estão entre os preferidos da VUNESP em provas de nível médio, o que significa que ‘Significação Vocabular’, ‘Coesão e Coerência’ e ‘Sinônimos’ devem fazer parte dos estudos desde o começo.
Bloco III

Atualidades

De acordo com o edital, a disciplina Atualidades é composta por três temas, que costumam cair na seguinte proporção:

É importante destacar que os acontecimentos políticos de 2014, incluíndo as ‘Eleições’, são prato cheio para a VUNESP. Fique de olho também na ‘Questão da Água’ e na ‘Crise na Síria’.
Matemática

Matemática é uma das disciplinas que a VUNESP mais gosta! Então, analisando as últimas provas dessa banca para cargos semelhantes, cheguei aos números abaixo:

Na prova anterior de Escrevente, a banca cobrou ‘Frações e Porcentagens’, ‘Números Inteiros’ (que quer dizer uma equação simples) e ‘Geometria e Trigonometria’.
Considere estes temas no seu planejamento e não seja pego de surpresa!
Informática

A prova de Informática é geralmente bem limitada, o que não significa que não tem que estudar, certo? Olhe os três assuntos que mais devem cair:

A análise quantitativa nos mostrou que metade das questões foi sobre a ‘Suite de Escritório’, que deve ser o mais estudado. ‘Sitema Operacional Windows’ também deve ser bem estudado!
Raciocínio Lógico

Essa é a novidade de 2014! Não caiu Raciocínio Lógico na prova passada e isso aumenta ainda mais a importância da análise quantitativa da banca. O que deve cair mais:

Observe que a banca privilegia dois temas demasiadamente: ‘Estruturas Lógicas’ e ‘Sequências’. Estude bastante esses dois temas!
Então, gente! Essa foi a primeira parte da Análise do Edital e dos Temas para a prova de Escrevente Técnico Judiciário do TJ/SP. Na semana que vem irei publicar a outra parte. Se desejar receber por email um aviso quando publicar (além de outras notícias e artigos sobre essa e outras carreiras de tribunais), é só colocar o email aí embaixo.
Bons estudos e sucesso!

Delchi Bruce é Bacharel em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (UnB) e Mestre em História das Relações Internacionais Contemporâneas pela University College of London. Foi funcionário da ONU, onde especializou-se em Análise de Conjuntura pela UCNY. É professor de Atualidades, comentarista e Gestor de Conteúdo do Mapa da Prova.
O que acharam? Faz sentido? Como você está estudando?
Qual é sua melhor e pior matéria????
Gostou? Comenta aí e não deixe de compartilhar!





Receba macetes e dicas sobre o
concurso do TJSP
e de outros Tribunais de São Paulo!








Compartilhar